terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

3.2 LÍNGUA PORTUGUESA - A CRASE E O PRONOME RELATIVO





1.      É PROIBIDA A CRASE NO “A” que antecede CUJO(s), CUJA(s), QUEM, QUANTO.

Exemplos:

Esta é a moça a quem amo.
Eis o escritor a cuja obra me refiro.

2.      Em geral, não ocorre crase antes do “QUE”. Em caso de elipse de palavra feminina, entretanto, a crase é obrigatória.

Exemplo:
Esta é a secretária competente, e não à (*) Que me referi ontem.
                                                               (secretária)

Observação:

(*) No último exemplo, a crase é contração do pronome demonstrativo “a” com a preposição “a” exigida pela forma verbal “referi”.

3. Haverá crase em “A QUAL”, “AS QUAIS” quando, substituído o antecedente por um masculino, forem substituíveis por “AO QUAL”, “AOS QUAIS”.

Exemplo:
Eis a jovem à qual me referi ontem.
Eis o jovem ao qual me referi ontem.