terça-feira, 22 de janeiro de 2013

EXPERIÊNCIA APOCALÍPTICA





Isolado no meio do nada
Punido pelo que não fez,
Mas pesava sobre ele a cruz
Esta mensagem tão odiada

Ali onde o nada lhe ensinava
A sua origem e existência: nada.
Mas, alguém na cruz  fez tudo
E o transformou embaixador do mundo.

Responsabilidade  dura e perigosa,
Pois a humanidade leva vida enganosa
Onde nada é tudo ou alguma coisa no homem,
Que se predispõe buscar a verdade e ir alem.

Mas, naquela ilha em patmos  para quem falar?
Parecia ser o fim, ali condenado por Cesar...
Quando o Senhor o apareceu e o arrebatou
Revelou-lho todas as coisas que antes ensinou.

Pode ver o céu aberto e passear no paraíso,
Tudo muito maravilhoso e viu também o juízo
O fim de raça o assustou, mas o sangue o consolou
E a esperança e justiça sobre os homens ELE REVELOU.

Assim no meio do nada foi eleito o centro do mundo,
Não entendido o livro Divino foi guardado e esquecido,
Mas o Espírito de Deus removeu do homem a ignorância
E vez assim todos  verem o seu destino com relevância.