quinta-feira, 15 de novembro de 2012

Caminhos do amor




Ela linda passeava na praça,
Seus passos macios e rítmicos,
Com seus olhos lindos e meigos
Chamou-me a pilotar um bravo caça.

Não sonhei somente, mas voei
E voei rumo a aventura do amor;
Não queria nem saber da dor.
Se caio deste voo, ainda assim a terei.

O prazer momentâneo de sentir você...
O seu não para mim é uma linda canção,
Seu sim faz entrar em grande festa o meu coração,
De qualquer forma terei prazer em você.

É impossível fugir do meu amor!
Não é paixão, nem excitação, é sentimento!
É um forte ímpeto que me leva ao firmamento,
Minha alma sempre viverá com seu calor.

Aonde você for o seu calor manterá o amor,
Amor que faz respirar este corpo que é seu...
Será sempre seu o meu amor e tudo que é meu!
Diga sim para que a minha fé afirme-se no Senhor.

Sem você a profecia não estará cumprida.
Sem você não terei os filhos da promessa.
Sem você não apagarei as falsas conversas.
Com você vou voar no meu caça e ter uma linda vida.

Seu sim, doce morena, eternizou-me e me fortaleceu;
A minha armadura tornou-se de um nobre guerreiro,
Fazendo-me vencer todas as batalhas por inteiro.
Minha morena, obrigado por me deixar te amar e ser seu.