quinta-feira, 28 de junho de 2012

A vingança pode ser evitada






Vem o Senhor da Glória
Revestido de poder e honra,
Suas vestes brancas resplandecem
Mais que a luz, à sua voz obedecem

A terra, o céu e o mar e seus habitantes:
A terra engole o ser vivente ao SEU comando
E estremece e terroriza o homem mais inteligente
Tornando-o ineficaz com o seu conhecimento.

Quem ficará em pé diante do Senhor da Glória?
O Terremoto acontece quando ELE quer
E não há ciência que possa impedir SUA voz imperiosa.
Só resta aos homens donos do poder se esconder.

A voz do SENHOR vem com juízo sobre a natureza:
As águas agora querem seus antigos lugares,
Estabelecidos desde a fundação da Terra;
As águas levantaram sua voz e ganharam poderes,

Com tsunamis e maremotos, são a respostas dadas
Às sociedades extirpadas juntas com suas cidades.
Os gritos e as dores não fazem entender suas maldades
Praticadas, para que com o progresso sejam elogiadas.

O SENHOR da Glória é justo juiz e não perdoa o desamor:
Autoriza então ao céu reclamar as feridas nela causada
Pela ambição do homem, o céu virou depósito de vapor,
Produtos químicos e gases poluidores do ar e da água.

Mas, a vingança vem do DEUS o dono de toda Glória:
Quando houver chuva de ácido, quando não haver oxigênio,
Os homens mortos como os peixes nos nossos rios e lagoas.
Os mares, também, não resistirão e seremos todos destruídos.

DEUS é o justo juiz e infinito em misericórdia, nos avisa:
Ame ao seu próximo e dê para ele o bem que quer para você;
Ame ao seu Deus com toda sua força, de toda a sua alma;
Sejas sábio e crie progresso sustentável e verá a eternidade.