sábado, 30 de junho de 2012

A melhor escolha




Almas que querem a paz
Como uma escolha única,
Não interessando ser o Ás
Da profissão ou da vida.

Adorar a Deus é a escolha
Mais importante que já fez
E anunciar a todos a vida
Que tens, e ser agora sua vez.

Pois quem dá a felicidade
Vê a todos sem discriminar
Abominando  a iniquidade
E vidas que não querem amar.

Amar para viver com saúde
Física e espiritual e louvar
A Deus anunciando a verdade
Cristã para poder se salvar.

Não importa as honrarias,
Que oferecem os templos
Com suas lindas cadeiras
Macias e enfeites de ouros.

Não interessa as promessas
Dos cargos e consagrações,
Nem os registros da igreja
Nas grandes convenções.

A escolha da alma é a paz,
Que vem da grande salvação
Do homem que só Jesus a faz,
Lembrando o dia da redenção

Conquistada através da morte;
Quando por nós foi humilhado,
No calvário, criando a liberdade
De falar com Deus; livre do jugo

Das religiões criadas por cristãos,
Que nunca sofreram as dores
Da fé, tendo limpado suas  mãos
Dos sangues, da morte de inocentes;

Que um dia a Deus farão a reclamação
De nunca ter ouvido o esse evangelho,
Por viverem em áreas  sem “acesso”,  
A alma feliz negou-lhe a evangelização.

sexta-feira, 29 de junho de 2012

Acróstico - DEMOCRACIA




D  ireito que deveria de ter o povo


E  stabelecido através de discursos demagógicos


M  elhor é fazer acreditar que podem escolher seu governo


O  rganização é uma forma de segurança, isso é mentira...


C  rer na representação do povo através de um parlamento é entregar sua vida


R  epublica só existe se o povo possui nível educacional e visão política.


A população brasileira sofre por não saber o que é política, são cegos sem bengala.


C onfusos votam em marginais, enganados acreditam na compra de voto vendo um fim triste.


I   mperativa é a necessidade da mobilização popular para a reforma política brasileira.


A   mar sua pátria é congregar o povo e ensinar o nacionalismo, para ter um novo Brasil.

quinta-feira, 28 de junho de 2012

A vingança pode ser evitada






Vem o Senhor da Glória
Revestido de poder e honra,
Suas vestes brancas resplandecem
Mais que a luz, à sua voz obedecem

A terra, o céu e o mar e seus habitantes:
A terra engole o ser vivente ao SEU comando
E estremece e terroriza o homem mais inteligente
Tornando-o ineficaz com o seu conhecimento.

Quem ficará em pé diante do Senhor da Glória?
O Terremoto acontece quando ELE quer
E não há ciência que possa impedir SUA voz imperiosa.
Só resta aos homens donos do poder se esconder.

A voz do SENHOR vem com juízo sobre a natureza:
As águas agora querem seus antigos lugares,
Estabelecidos desde a fundação da Terra;
As águas levantaram sua voz e ganharam poderes,

Com tsunamis e maremotos, são a respostas dadas
Às sociedades extirpadas juntas com suas cidades.
Os gritos e as dores não fazem entender suas maldades
Praticadas, para que com o progresso sejam elogiadas.

O SENHOR da Glória é justo juiz e não perdoa o desamor:
Autoriza então ao céu reclamar as feridas nela causada
Pela ambição do homem, o céu virou depósito de vapor,
Produtos químicos e gases poluidores do ar e da água.

Mas, a vingança vem do DEUS o dono de toda Glória:
Quando houver chuva de ácido, quando não haver oxigênio,
Os homens mortos como os peixes nos nossos rios e lagoas.
Os mares, também, não resistirão e seremos todos destruídos.

DEUS é o justo juiz e infinito em misericórdia, nos avisa:
Ame ao seu próximo e dê para ele o bem que quer para você;
Ame ao seu Deus com toda sua força, de toda a sua alma;
Sejas sábio e crie progresso sustentável e verá a eternidade.

terça-feira, 26 de junho de 2012

GRAMÁTICA APLICADA






VOCÊ,O SENHOR - VOSSA SENHORIA,SUA EXCELÊNCIA

Levam o verbo para a 3ª pessoa e os pronomes possessivoS
e qualquer pronome de tratamento correspondentes são
SEU → SEUS /// SUA → SUAS

CUIDADO:

“CONSIGO” é sempre reflexivo:
“Ela falava CONSIGO MESMA”.
(Mas jamais: “desejo falar consigo”; diga:
“com o senhor”, “contigo”, “com você”...)

segunda-feira, 25 de junho de 2012

Linguagem uma ferramenta de salvação ou de condenação











O ensino deixado pelo Senhor Jesus Cristo nos dá o conforto de que todos quanto o aceitarem como Senhor e Salvador serão salvos. Diante desta afirmativa, mesmo assim, alguns se apropriam de teorias teológicas com a finalidade de afirmarem que todas as pessoas alcançadas pela salvação em Cristo a obtém para sempre, não precisando fazer nada mais, pois já foram salvos e já possuem acesso direto ao Reino de Deus.

Mas o que é salvação? De acordo com o Michaelis Moderno Dicionário da Língua Portuguesa: sf (lat salvatione) ... 4 Redenção. 5 Ecles A bem-aventurança ou a felicidade eterna. Entretanto o conceito teológico se divide em vários seguimentos, nestes encontramos em vários sites, em especial o http://www.ibiblia.net/, autor Claudio Crispim: "a) A principal figura dos reformadores foi Martinho Lutero (1483- 1546) teólogo alemão, que se insurgiu contra o papado ao defender que a salvação em Cristo é por meio da graça; b) João Calvino (1509-1564), teólogo cristão francês, continuou a reforma protestante defendendo a salvação pela graça. Calvino foi além na sua defesa da salvação pela graça. Para explicar os entraves e questionamentos acerca da justiça de Deus, surgiram as explicações da eleição incondicional ou predestinação, a redenção particular (ou expiação limitada), a graça irresistível (chamada eficaz) e a perseverança dos santos; e c) um dos seus seguidores, Jacobus Armínios (1560 - 1609), teólogo holandês, acabou por discordar de que a eleição decorre da soberania divina. Armínios Passou a defender que a eleição se dá através da presciência de Deus. Para os arminianistas Deus elege ou reprova as pessoas com base na fé ou na incredulidade prevista. Para defenderem este posicionamento alegam que Cristo morreu por todos os homens, mesmo que seja necessário crer para serem salvos. Por intermédio da graça divina o homem alcança fé, mas tal graça é plenamente resistível." Uma questão de linguagem que divide ainda mais o seu entendimento e o afasta da esperança de um dia poder se encontrar com Deus e ter o privilégio de ser chamado FILHO DE DEUS.

Como escolher o melhor caminho? Se tornar ateu vai ficar pior. Então o que fazer? Você já ouviu falar da Bíblia? Aprendeu sobre interpretação de texto? Pois é, Deus tomou o cuidado de deixar tudo na linguagem do homem, de forma clara, coerente e coeso, você lê e entende – salvo rara exceção. Aquelas em temos que recorrer a simbologia, hermenêutica e exegese. A exemplo as afirmações do próprio Senhor Jesus Cristo, quando encarnado no corpo humano, como filho de Maria (engravidada pela unção do Espírito Santo) e reconhecido por José (o pai eleito por Deus), segue os registros:
Marcos 16
15 E disse-lhes: Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura.
16 Quem crer e for batizado será salvo; mas quem não crer será condenado.
João 3
15 Para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.
16 Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.
17 Porque Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que condenasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele.
18 Quem crê nele não é condenado; mas quem não crê já está condenado, porquanto não crê no nome do unigênito Filho de Deus.
Romanos 5
10 Porque se nós, sendo inimigos, fomos reconciliados com Deus pela morte de seu Filho, muito mais, tendo sido já reconciliados, seremos salvos pela sua vida.

Segue agora as provas literárias de que para alcançar é necessário se manter fiel, honesto, obediente, conforme as seguintes ensinamentos apostólicos:
Efésios 2
8 Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus.
9 Não vem das obras, para que ninguém se glorie;
Tito 3
5 Não pelas obras de justiça que houvéssemos feito, mas segundo a sua misericórdia, nos salvou pela lavagem da regeneração e da renovação do Espírito Santo,

Quando ocorre a exclusão do livro da vida, perdendo o direito de ser um salvo:
I Corintios 6
9 Não sabeis que os injustos não hão de herdar o reino de Deus? Não erreis: nem os devassos, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os sodomitas,
10 nem os ladrões, nem os avarentos, nem os bêbados, nem os maldizentes, nem os roubadores herdarão o reino de Deus.
I Timóteo 1
9 Sabendo isto, que a lei não é feita para o justo, mas para os injustos e obstinados, para os ímpios e pecadores, para os profanos e irreligiosos, para os parricidas e matricidas, para os homicidas,
10 Para os devassos, para os sodomitas, para os roubadores de homens, para os mentirosos, para os perjuros, e para o que for contrário à sã doutrina,
Galatas 5
19 Porque as obras da carne são manifestas, as quais são: adultério, prostituição, impureza, lascívia,
20 Idolatria, feitiçaria, inimizades, porfias, emulações, iras, pelejas, dissensões, heresias,
21 Invejas, homicídios, bebedices, glutonarias, e coisas semelhantes a estas, acerca das quais vos declaro, como já antes vos disse, que os que cometem tais coisas não herdarão o reino de Deus.
Apocalipse 22
14 Bem-aventurados aqueles que guardam os seus mandamentos, para que tenham direito à árvore da vida, e possam entrar na cidade pelas portas.
15 Ficarão de fora os cães e os feiticeiros, e os que se prostituem, e os homicidas, e os idólatras, e qualquer que ama e comete a mentira.

Diante das exposições de teologia e transcrição fiel dos textos BÍBLICOS, fica claro que os desencontros de linguagem são provocados por homens religiosos, ou seja, que fundamentam sua fé em regras próprias, adulterando os textos sagrados para tirar proveito financeiro, ou simplesmente por orgulho e perversidade, existindo ainda outros efeitos psicológicos, os quais não quero falar agora, a fim de não provocar desgastes haja vista ser o texto ora apresentado um tanto cansativo, mas não havia outra forma de comunicação para expor estas verdades.

SEDENTO DE AMOR






O Amor que se busca loucamente,
Como andarilho sedento no deserto
À procura d’água torturando a mente,
Mas o amor só se encontra em um cacto.

A Técnica de sobrevivência o mantém
E com a sabedoria o amor se afirma.
Vale andar quilômetros sem o seu néctar
E não desistir nunca porque ele o mantém

Nesta Vida e lhe da esperança na alma.
Transforma alucinações em realidades,
Assim como a água faz hidratar as células
E as fortifica no corpo com sua eletricidade.

O amor é vida, que com risadas no silêncio,
Faz as lágrimas, do rosto alegre; o casal reinar
No leito sem mácula, cheio de prazer o sorriso
Da satisfação de na velhice gozar esta experiência.

domingo, 24 de junho de 2012

ANGUSTIA DE UM ATALAIA






Uma alma ficou ferida no seu caminhar,
Desde que começou a buscar entender
O caminho do homem e o seu planejar.
Então buscou avisá-lo o que iria acontecer

Se continuasse a construir a aquela casa,
Com aquela engenharia tirada do vento.
Como poderia construir sobre a areia?
Como poderia o vento dar um ensinamento?

A alma ficou ferida por não ser entendida.
Queria ajudar uma vida a se desviar do abismo.
Se um lar é mais que uma casa, como viveria?
Pois uma vida precisa de abrigo e idealismo.

Confusa a alma chora e implora por educação,
Extensiva a toda nação, principalmente para aquela
Que insiste construir com base na sua intuição.
O vento é traiçoeiro e não vai lhe dar segurança,

Mas a sorte muda se conseguir ver na forte rocha
O verdadeiro ensino trazendo o conhecimento,
De que não se deve ignorar um amigo conselheiro.
A alma fica ferida quando não consegue ser ouvida.

Grita a sabedoria: “o vento espalha a areia e cai a casa!”
Olhe para a rocha, ela é firme e forte e nada teme.
O vento lhe dá prazer e dor, mas a rocha dá a promessa
De que terá uma casa construída com alicerce firme e forte.

A alma sofre porque você não compreende sobre a opinião,
De que o seu ideal deve ser buscar mais que uma casa.
No seu ideal deveria está: a vida social e o direito a educação;
Ter um lar com a construção da verdadeira família e a segurança.


quinta-feira, 21 de junho de 2012

GRAMÁTICA APLICADA






COLOCAÇÃO PRONOMINAL EM LOCUÇÕES VERBAIS
Temos que considerar três casos:
1. Auxiliar + INFINITIVO
2. Auxiliar + GERÚNDIO
3. Auxiliar + PARTICÍPIO

1. Nas locuções verbais em que o verbo principal esteja no INFINITIVO, pode dar-se:
a) A próclise ao verbo auxiliar:
- Eu me vou preparar para o teste.
- Eu lhe desejo falar a verdade.

b) A mesóclise ao verbo auxiliar:
- poder-me-ia emprestar o seu programa?

c) A ênclise ao verbo auxiliar (quando não houver condições que aconselhem a próclise):
- Eu vou-me preparar para o teste.
- Desejo-lhe falar a verdade.
- Ia-se formar um grande tumulto.

d) A próclise ao verbo principal (sem hífen):
- Eu vou me preparar para o teste.
- Desejo lhe falar a verdade.
- Ia se formar um grande tumulto.

e) ênclise ao infinitivo (mesmo com presença de palavra “atrativa”)
- Eu vou preparar-me para o teste.
- Eles não desejam falar-lhe a verdade.
- Ia formar-se um grande tumulto.

2. Nas locuções verbais em que o verbo principal esteja no GERÚNDIO podem ser aplicadas as mesmas orientações dadas anteriormente para o infinitivo. Assim:
- Ela me ficou observando.
- Ela fico-me observando
- Ela ficou me observando.
- Ela ficou observando-me.
- Ela não me ficou observando.
- Ela não ficou observando-me.

3. Quando o verbo principal está no PARTICÍPIO, o pronome átono não pode vir depois dele. Virá, assim, proclítico, mesoclítico ou enclítico ao verbo auxiliar, de acordo com as normas expostas para os verbos na forma simples:
- Eu o tenho visto.
- Tê-lo-ia visto.
- Tenho-o visto.
- Não o tenho visto.


quarta-feira, 20 de junho de 2012

AMOR SEM CULPAS






Deus não nos fez escravizados pelo corpo
E preso aos seus desejos, que sempre surgem
Inesperadamente complicando o relacionamento,
Que deixa o ser humano sem saber explicar a origem

Deste ímpeto que é quase impossível de reter.
Na área da autoproteção vem ocorrer com ele a violência,
Que nasce a partir do ponto da emoção de conhecer
Uma pessoa, que nunca viu e sem registrar a ciência

Explode em cadeias a emoção, como em um turbilhão
De sonhos quase reais, declarando que é o destino
Escondido em algum lugar nos esconderijos da paixão.
Sensações com efeitos dominó levando a dois caminhos:

O do matrimônio, ou ao da loucura levando aos desfechos:
O amor platônico, ou a dor do inconformismo da derrota.
Entretanto, estamos presos aos sentimentos variados,
Que nascem do amor em sua multiforme ação avassaladora.

Provadas pelas glândulas sudoríparas que é a alvorada
De um novo amanhecer, uma vida cheia de emoções,
Ativada por milésimos de segundos, dá a vitória a amada.
As glândulas sexuais não foram criadas por nossas ações,

Mas, pela maravilhosa ação de Deus desde a fundação
Do mundo, entregando ao homem a felicidade do prazer,
Assim, por que sofrer? Por que tanta culpa no coração?
Não se deve fugir a razão que propôs Deus ao criar você.

O pecado é o argumento dos puritanos, daqueles cegos,
Que ainda não aprenderam amar com o verdadeiro amor,
Uma dádiva de Deus, que nos ensina a não tirar proveito
Próprio, a não se comportar com indecência e dividir a dor.

Se enganar o prazer não é excelso, o clímax é falso
E a amada não fica realizada, porque a tristeza tomará lugar
Da explosão estupenda que só terá aquele que for esperto.
Quebrar essa culpa é amar com espírito, CORPO e ALMA.

ACRÓSTICO: “ Brasil”







B em aventurada a nação cujo Deus é o Senhor.
R eceberá do Senhor todo bem, quando orar pela paz de Seu país.
A ndarás livre, com seu caminho iluminado e limpo, tendo por base o amor.
S eremos protegidos dos homens corruptos, quando entregamos o dizimo ao Senhor.
I mpossível é para os demônios tocar na família brasileira, porque somos de Jesus.
L evantai e louvai ao Senhor, dando ações de graças, por ter um país forte e livre.

segunda-feira, 18 de junho de 2012

EXEMPLO DE VENCEDOR






Uma vida cristã deve ter o modelo de Daniel,
Levando em conta as doutrinas aprendidas
Dos ensinos cuidadosos do grande Deus Emanuel,
Subindo degrau por degrau deixando todas dúvidas,

O produto de um sonho de Daniel, ainda adolescente,
Fica sem entender o porquê de seu país ser destruído
Pelos soldados babilônicos, que matam violentamente,
Homens adultos, soldados, e príncipes todos ali caídos.

Seus sangues manchavam as ruas e os pátios do palácio,
Os levitas, não poupados, mortos no templo em Jerusalém.
Entretanto, a sorte de Deus para do justo é o doce juízo,
Que sai, cheia de graça, do trono de Deus, dando-lhe o bem.

Então Daniel, Sadraque, Mesaque e Abedinego são escolhidos
Pelo Rei Nabucodonosor, para o servirem no palácio, da Babilônia.
Nasce o livramento, um plano de Deus, para serem os exemplos
Das nações, para que vejam a diferença de ter o Deus da vida eterna.

Quando se vive uma vida de inocência e total obediência,
Temos como dádiva a sabedoria e a inteligência para salvação
Não só de sua vida, mas das nações presas pela ignorância.
A fé em Sadraque, Mesaque e Abede-nego ao dizer a idolatria: ”não”.

Então o Rei Nabucodonosor cego pelos servos e amor aos deuses;
Ordenou furioso, que os jogassem em uma fornalha ardente,
Mas como bons crentes, profeticamente, não temeram seus algozes
E dentro da fornalha ardente festejaram com o Deus dos deuses.

Um bom crente foi Daniel, que firme em oração e por sua fidelidade
Tornou-se o principal presidente dos príncipes do Rei Dario,
Para proteger seu governo e manter a paz, como um crente de verdade
Orava com fé para trabalhar com muita sabedoria e ver Israel liberto.

O verdadeiro crente sabe sofrer em silêncio e não respeita o perverso,
Que em suas reuniões malignas planejam pará-lo, mas a força chega
Através da oração daquele crente persistente, e assim torna-se espírito,
Ao transformar sua condição humana em uma vida espiritual e eterna.

Portanto, quando o cristão vive o Reino de Deus em sua total plenitude,
Não tem culpa, sua inocência é latente, não tem leão, nem tem corrente,
Que impeça sua oração. Os leões não podem comem espírito e sim carne
E as leis que foram criadas corruptamente, destroem os seus legisladores.

Esta cova que te jogaram não pode te prender, não pode acabar com você.
Porque você é um escolhido como foi Daniel, você não pertence ao mundo,
Os laços do passarinheiro não conseguem te prender. Eles não vão te vê!
Sua oração e leitura bíblica aumentam a intimidade com Deus e te faz vencedor.

domingo, 17 de junho de 2012

GRAMATICA APLICADA






CASOS FACULTATIVOS
Poderá ocorrer próclise ou ênclise (ou mesmo mesóclise) se a palavra que antecede ao verbo for...
1. Pronome pessoal do caso reto:
Ele o entregou.
Ele entregou-o.
Ele entregá-lo-á.

2. Pronome demonstrativo:
Esta me dá prazer.
Esta dá-me prazer.
Esta dar-me-á prazer.

3. Substantivo:
A professora me ensinou.
A professora ensinou-me.
A professora ensinar-me-á.

Observação:
Com o verbo no infinitivo (mesmo com a presença de palavra “atrativa”) poderá ocorrer próclise ou ênclise:
Calei para não o contrariar.
Calei para não contrariá-lo.

sábado, 16 de junho de 2012

ECOLOGIA: Deus e o sistema ecológico






O homem foi criado como peça fundamental do sistema ecológico, porém as informações sobre essa raça privilegiada e o seu relacionamento com a natureza nos traz mais tristeza do que alegria; este sempre gostou de ver a praia, navegar, surfar e pescar, também gostou dos rios e florestas e só quis contemplar e tirar deles entretenimentos maravilhosos, mas infelizmente, também, os mais sórdidos possíveis. Julgando ser a natureza inesgotável e ser um abençoado por ter todas as maravilhas feitas por Deus em suas mãos. Isso é bom de mais, exclamou o homem!
Ao criar o mundo Deus fez o homem por último entre todos os animais, do céu, do mar, da terra dando-lhe a incumbência de cuidar e manter a ordem com poder sobre todos os seres vivos. A visão adâmica era ecológica e seu sentimento cheio de amor pela criação, pois sabia que assim fazendo agradeceria ao seu Criador todos os dias, de tê-lo dado além de uma semelhança com a sua deidade, deu-lhe também o prazer de ter uma linda mulher.
Não há registro na Bíblia, bem como em nenhum outro livro paralelo com mais de mil anos, que o homem rejeitasse a missão de cuidar da natureza, também não há registro de comportamento de prazer em exterminar os seres vivos. Haja vista que o homem no início nem comia carne. Entretanto, após o pecado e o único entendimento é de desobediência, pois a árvore comentada por religiosos não era uma macieira, ao contrário tinha um nome bem diferente dado por Deus; vejamos o extrato do capítulo 2 de Gênesis, vers. 17 “ Mas da árvore do conhecimento do bem e do mal, dela não comerás; porque no dia em que dela comeres, certamente morrerás.” Se a árvore tinha este nome e a ordem era esta, por que falam que é a maça o sexo proibido, e o começo do pecado? Há uma intenção de desvirtuar o texto sagrado, para dar lugar aos conceitos e as convenções sociais no início do segundo século dc. Veja neste mesmo livro que Deus fez um macho e uma fêmea, um casal. Por que desvirtuar o que Deus criou? Pois todos os sacerdotes sabem que o sexo só é pecado quando não praticado nos preceitos de Deus.

Quando falamos de cuidar da natureza estamos falando da base da espécie: a procriação. São vários fatos que destroem a natureza e o principal é a causa que interrompe o seu círculo, para descobri-lo é preciso ter coragem de pesquisar todas as áreas de produtividade do país, todo o setor de alimentação que se utiliza da terra, dos rios e dos mares, ver de perto a corrida pela descoberta de ouro e outros minerais, bem como pedras preciosas, cujas ações envolvem uso de produtos nocivos aos animais, como por exemplo, o garimpo e a extração de minérios, como esclareço com o extrato do site http://www.sonoticias.com.br/noticias/ :

“O assoreamento está sendo provocado pela extração mineral, que está sendo feita no “leito do rio”, de forma inconsequente e depredadora. As águas, em determinadas regiões estão escuras e os peixes desapareceram, tornando mais difícil a vida dos ribeirinhos. “ Aqui já teve muitos peixes. Agora, é muito difícil pegar um para comer” desabafou o pescador Antonio Raimundo Oliveira.
O Rio Peixoto, principal afluente do Rio Teles Pires, vivencia uma triste história, onde a natureza e o homem são protagonistas principais. De um lado, a natureza recompõe as suas belezas lentamente, de outro lado, o homem a destrói numa velocidade intensa.
Os garimpeiros, atrás do ouro, numa ganância famigerada, estão colocando balsas no leito do Rio Peixoto, a procura do ouro, e aos poucos estão destruindo a natureza de forma impiedosa. A degradação ambiental, causada por esses eventos, acabam por comprometer cada vez mais, os recursos hídricos renováveis.”

As indústrias não estão inocentes, pois até hoje ainda não apresentaram uma alternativa para que haja um desenvolvimento sustentável e juntamente com as industrias estão as Empresas de embarcações jogando óleo pelos rios e mares contribuindo para a morte dos peixes e, não só isso, poluem também o ar com seus gazes e aumentam a poluição sonora com suas máquinas barulhentas. Nesta ultima categoria não estão sozinhos, pois tem, os aplaudidos pelo povo: os bailes dos fanqueiros, pagodeiros, roqueiros, etc. Entretanto, agora com a campanha política aumentará ainda mais os barulhos autorizados pelos atuais prefeitos, a fim de ajudar seus candidatos sucessão. Chamo a atenção para a injustiça quando a única acusada e punida por fazer barulho é a Igreja Evangélica, pois a Igreja é multada e interditada por estar orando e louvando a Deus alto demais, enquanto a três ou cinco quadras da mesma tem um baile fazendo tudo que é ilícito e sendo aprovado por eles e por parte da sociedade corrompida pela política.

A educação é o maior problema do nosso país. Veja, se o Brasil tivesse aplicado recursos relevantes na educação, ou seja, salário, preparação, aperfeiçoamento, valorização perante a sociedade e respeitabilidade diante de seus alunos, bem como os alunos recebessem além dos ensinos de qualidades, alimentação, uniforme, material escolar, assistência médica-psicológica e assistência social, no início do governo civil, teríamos hoje jovens capacitados a proteger a natureza e a sociedade, sabendo praticar a reciclagem e serem formadores de pessoas e centros de reciclagem, desta forma podemos dizer que o erro do homem no início de sua existência, quando desobedeceu a Deus continua até hoje, só que com aspecto diferente.

Deus educou o homem para cuidar dos animais e lavrar a terra, para respeitar o ecossistema, mas veio o pecado e com ele a civilização (grupos organizados segundo seus propósitos) e o progresso (ganância), o capitalismo, ou socialismo, uma máscara para esconder seus verdadeiros propósitos. Sendo assim, vamos buscar retomar o amor pela natureza, lutar pela vida dos peixes no mar, ou no rio, lutar contra a caça esportiva, proibir o uso de armas e os vícios dos colecionadores, dizer NÃO para o crescimento que não respeita os critérios de proteção a natureza.
Gênesis
Capítulo 1
26 E disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança; e domine sobre os peixes do mar, e sobre as aves dos céus, e sobre o gado, e sobre toda a terra, e sobre todo o réptil que se move sobre a terra.
27 E criou Deus o homem à sua imagem; à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou.
28 E Deus os abençoou, e Deus lhes disse: Frutificai e multiplicai-vos, e enchei a terra, e sujeitai-a; e dominai sobre os peixes do mar e sobre as aves dos céus, e sobre todo o animal que se move sobre a terra.
29 E disse Deus: Eis que vos tenho dado toda a erva que dê semente, que está sobre a face de toda a terra; e toda a árvore, em que há fruto que dê semente, ser-vos-á para mantimento.
30 E a todo o animal da terra, e a toda a ave dos céus, e a todo o réptil da terra, em que há alma vivente, toda a erva verde será para mantimento; e assim foi.
31 E viu Deus tudo quanto tinha feito, e eis que era muito bom; e foi a tarde e a manhã, o dia sexto.
Capítulo 2
16 E ordenou o SENHOR Deus ao homem, dizendo: De toda a árvore do jardim comerás livremente,
17 Mas da árvore do conhecimento do bem e do mal, dela não comerás; porque no dia em que dela comeres, certamente morrerás.

quinta-feira, 14 de junho de 2012

A RESPOSTA DO POETA






Uma página totalmente em branco,
Preparada para a primeira história
A ser narrada, ou talvez um conto,
O que na verdade o escritor queria

Era expor a essência da vida pulsante
Dentro de seu eu, mas onde esta estava?
Olhar aquela folha em branco era triste.
Não acordava e sua lembrança se afastava

Para uma terra bem distante, sem registro,
Sem conhecimento presa em algum lugar,
Onde a humanidade afugenta, com “algo”
Feito em algum tempo; que faz amargar

O paladar da alma, com dores na medula
A tirar a saúde do sangue impedindo de
Espalhar do amor através do rio, que implora
Qual direção a seguir para uma história firme.

A folha não é capaz de reconduzir o poeta,
Um pobre filósofo abandonado e desconsiderado,
Que vive esperando da sociedade a resposta,
Para que esse profeta possa dormir sossegado.

terça-feira, 12 de junho de 2012

A VITÓRIA É CERTA







Ser vitorioso é ter uma vida de postura,
Não ter duvida do que quer para si,
É plantar em terreno arenoso na certeza
De que tudo que começou é capaz de concluir.

Caso persista a dúvida a luta é a solução
Para que possa encontrar na vida a certeza
De ter a fé no sobrenatural, como teve Abraão
Vivificado por Deus seguiu o caminho da nobreza.

Temos uma história verdadeira sobre uma Mulher,
Que há doze anos sangrava e não tinha remédio
Para curá-la e com muito dinheiro posto a perder,
Assim aquela mulher seguiu a fé sem intermediário.

O esforço é compensador para quem não desiste,
Assim como aquela mulher que alcançou a cura,
Quando lutou contra uma multidão mesmo triste,
Arrastou-se e no último esforço chega à única fortaleza.

Cessa assim o fluxo de sangue e vai-se a desonra;
Chega à recompensa da fé em Cristo, o Salvador.
O Senhor pergunta aos discípulos quem veio à honra,
Para receber a cura com tanta fé e com tanto amor.

Os pilares da vitória é a fé, o amor e a humildade.
Ninguém consegue obter vitória sem mudar sua vida,
Alterando sua postura quanto ao conceito de liberdade
E assim, amigo, acredite, ninguém arranca a sua alegria.

segunda-feira, 11 de junho de 2012

GRAMÁTICA APLICADA










MESÓCLISE

A mesóclise é usada somente no futuro do e no futuro do pretérito do indicativo:
• Ser-me-ia agradável passar uma hora em sossego.
• Dar-me-iam água para lavar as mãos?
• Devolver-te-ei o livro amanhã.

Observações:
1. É necessário, entretanto, que não haja partícula alguma que exija a próclise:
• Dar-te-ia minha vida.
• Mas: jamais te daria minha vida.

2. Em caso algum se haverá de pospor o pronome átono ao futuro do indicativo:
Dir-lhe-ei toda verdade.
- (E não: Direi-lhe...)
Jogá-la-ia na água.
- (E não: Jogaria-a...)

ÊNCLISE
Os pronomes átonos estarão em ênclise:
1. Nos períodos iniciados pelo verbo (que não seja o futuro = mesóclise), pois, na língua portuguesa, não se abre frase com pronome oblíquo:
Diga-me uma coisa...
(E não: Me diga ...)
Vai-se a primeira pomba.
(E não: Se vai...)

2. Nas orações com verbo no imperativo afirmativo:
Dize-me o que é importante.
Procure-as e convide-as.

3. Junto ao infinitivo não flexionado precedido da preposição “a”:
Começou a maltratá-la.
Fiquei quinze minutos a esperá-los.
Estive longo tempo a fitá-la.

domingo, 10 de junho de 2012

(Acróstico) VIVER EM PAZ







V iva como pássaros em voo livre, faz o seu ninho no coração.
I nvestem na família e protegem sua prole.
V ivam cantando na certeza da felicidade e tenha boa alimentação.
E ncarem o perigo de frente, não importa o tamanho do inimigo.
R eagem impelidos pela defesa da paz, matem o instinto de guerra.

E mana de seu interior a felicidade e contagiam a todos com uma linda música.
M ais fortes são os homens, que vivem na certeza de um amanhecer frutífero.

P roteja o homem de sua própria violência, plante o amor e terá o refrigério.
A rmas eles não precisam, porque não dão a verdadeira segurança e não trazem a paz.
Z elei, zelo, devemos zelar sempre por uma vida de paz e livres para cuidar da família.




quarta-feira, 6 de junho de 2012

Tu és escolhido








Nada pode impedir a sua alegria
E o prazer de viver, quando você enxerga
A razão de está aqui nessa terra,
Nesse local com pessoas tristes e frias.

A vida que Deus reservou para você
É a melhor e você é o melhor de todos,
Mesmo que te parece loucura esse é você.
Um homem chamado para nunca ser vencido

Por essa gente medíocre, que diz ser
Adorador de Deus e não tem o que mostrar.
Como Caim que matou Abel assim quer fazer
Com você, bater-lhe com ódio para te matar.

Talvez com a sua morte o tal possa ser visto
Pelo seu chefe, ou pelos irmãos de sua Igreja,
Assim o ego dele ficará feliz por ser o único.
Entretanto, a vida não para; e outro aparecerá.

A alegria do seu rosto é o motivo da sua chamada
Por Deus, que propôs fazer de você o ungido
Para levar a paz e o amor, socorrer o órfão e a viúva,
Ensinar o caminho certo ao que está perdido.

Este que quer roubar tua paz faz isso por inveja,
Por ver que tu és um escolhido de Deus para vencer
E apresentar ao Senhor Onipotente uma bandeja
Com sacrifícios perfeitos e glorificar a Deus com prazer.

Não adianta querer destruir aquele que Deus escolhe,
Será uma luta tola, pois quem luta contra o cristão
Está lutando contra Deus e certo é que o tal perece.
Não fique triste amigo, louve a Deus, viva em oração.

As perseguições são marcas que fizeram no Senhor
Que com morte de Cruz, as mãos e os pés pregados
Na madeira, coroado com espinho negou-lhe o amor,
Então agradece a Deus por ser mais um perseguido.

Barra de tradução - Ajuda do Barra de Ferramentas Google

Barra de tradução - Ajuda do Barra de Ferramentas Google

LIBERDADE E LIBERTINAGEM COM MUITA DEMOCRACIA














Nada minha alma na estupidez da multidão, que sempre segue as ondas do momento. Um ato precipitado por não saber a origem da onda e nem definir o momento, seja agora ou depois. Mas, para que se atirar no vácuo, pois o momento é um tempo e este pode não ter acontecido. Nem mesmo para o seu criador, o qual mergulhado numa depressão por não entender o motivo da onda, se o que ele só queria mesmo é usar uma calça jeans rasgada e sob o efeito da droga fazer aquele movimento corporal exótico, cantando uma música de poucas notas, baseadas na percussão misturada com uma letra com conteúdo de uma ou duas orações, aliais, o que são orações? Períodos? Concordâncias? Sabe lá o que? O importante era repetir aquelas poucas palavras, sem coerência, mas repleta de ambiguidade excita o povo à droga e muito erotismo.
Não importa para onde estamos indo, se para o céu, ou para o inferno, assim caminha a geração desse século presente. Os conceitos mudam a cada novela, a cada filme, a cada música, para que assistir jornal? Para que ir a escola? Se sempre tem um jeito de viver nesse país onde as leis nascem como mato e dá para todos sobreviverem. Tem vegetal para todo gosto e para toda raça. Se alguém não concordar aciona-se a polícia e o”homofóbico” é detido, a liberdade agora foi escravizada pela libertinagem e a democracia liberou a sacanagem, agora é o momento, a onda é fazer o que quiser: sexo na rua, no jardim, no cinema, na praia, na igreja! O negócio é homem com homem e mulher com mulher. Se quiser pode ficar com homem e mulher, viva a lei! Viva a liberdade imposta pela minoria! Que se dane o negro que continua brigando para ser aceito na sociedade desde a descoberta do Brasil! Que se dane a família, que luta para viver com o salário mínimo! A maioria não interessa! Essa é a onda: o errado virar certo! CPI só para os espertos que sempre vão ficar ricos e liberto

terça-feira, 5 de junho de 2012

GRAMÁTICA APLICADA COLOCAÇÃO DOS PRONOMES OBLÍQUOS ÁTONOS








PRÉ-REQUISITOS
Os pronomes átonos podem assumir três posições em relação ao verbo.
1. PROCLISE: o pronome aparece antes do verbo.
Exemplos:
Não me queiram mal.
Em se plantando, tudo dá.

2. MESÓCLISE: o pronome aparece no meio do verbo.
Exemplos:
Dar-me-ás presentes caros?
Remetê-lo-ão amanhã.

3. ÊNCLISE: o pronome aparece depois do verbo.
Exemplo:
Deu-me presentes caros.
Entregou-me o relógio roubado.

PRÓCLISE ←--------------------------------------VERBO-----------------------------→ÊNCLISE
............................................................... ↑
...............................................................MESÓCLISE

PRÓCLISE
A próclise ocorre quando há palavras que, estando antes do verbo, possuem o poder de atrair o pronome átono. As palavras “atrativas” mais comuns são:
1. as de sentido negativo (não, nunca, ninguém, jamais, nada, nenhum, etc.):
Jamais te disse o que penso a teu respeito.
Não a acordei na hora certa.
Nada me perturba mais.
2. os pronomes relativos (que, quem, cujo, o qual, etc.):
Ainda há pessoas que me querem bem.
Conheço a mulher por quem te apaixonaste.
3. Certos pronomes indefinidos (todo, nada, tudo, alguém, etc.):
Nada se cria, tudo se transforma.
Todos te obedecerão.
4. os advérbios em geral (já, só, talvez, sempre, aqui, bem, etc.)
Aqui se trabalha!
Sempre me lembrarei dos advérbios.
Já se abrem as portas da universidade.
5. as conjunções subordinativas ( se, porque, como, quando, que, etc.):
Quando nos viu, ficou vermelha.
Embora te importunes, não sairei daqui.
Irei, se me convidarem.
Observação:
A conjunção subordinativa pode estar oculta. Exemplos:
Rogo a V. Sª. me dispense das formalidades legais.
Pedi ao professor me desculpasse a grosseria.

6. A preposição EM antes de verbo no gerúndio:
Em se plantando, tudo dá.
Em se tratando de mulher, os gostos variam.
Observação:
Quando houver pausa entre uma palavra “atrativa” e o verbo, prevalecerá a ênclise:
Bem, aviso-a para que não se aproxime muito.
Depois, encaminhei-me para a sala de aula.
Não! Vou-me antes que papai chegue.

Ainda ocorrerá a próclise:
7. Nas orações que expressam “desejo”:
Deus te abençoe.
A terra lhe seja leve.
Mil raios o partam.
8. Nas orações exclamativas iniciadas por expressão exclamativa:
Como te iludes, meu amigo!
Quanto nos custa revelar certas verdades!
Quantas vidas se perderam nesta triste guerra!
9. Nas orações interrogativas iniciadas por expressão interrogativa:
Por que vos entristeceis?
Quem se apresenta?
Quando me devolverás o livro?

domingo, 3 de junho de 2012

Lições ECOLÓGICAS










A minha professora árvore

Um dia em meu quintal fiquei a contemplar;
Não conseguia desviar, estava preso naquele ponto.
Era uma jovem e linda árvore com dotes de professora.
Ela tão caprichosa e bem firme me ensinava a viver.

Quando naquela casa simples e aconchegante fixei moradia,
Os meus parentes me visitavam e diziam ser de vários frutos.
Ninguém sabia qual o nome da árvore e qual o fruto produziria.
Então vi que para nós, humanos, o maior desafio era o entender.

Entender que ganhar uma amizade é importante não julgar.
A árvore era linda, saudável, e não precisava de comentários,
Visto que se não sabe o matéria, o melhor a fazer é estudá-la.
Porém conhecê-la só será se for capaz de penetrá-la e ler.

Entretanto, a vida dá sabedoria a quem sabe esperar
O tempo do ciclo da vida e veio às flores, mas tem mais o saber.
Das flores saíram os frutos, parece claro o saber da sua natureza.
Então, veja que surpresa! Como é bom ter cuidados no que dizer!

Ninguém sabia que era uma mangueira! Então por que julgar?
Aprendemos: - a grande virtude do cozinheiro é achar o ponto,
- A grande virtude do pescador é saber esperar,
- E a virtude do navegador é a ciência para não perder o rumo.

Então entendi que para não julgar é preciso captar:
Que toda atenção é pouca, para compreender este pequeno mundo.
Que temos professores sábios, mesmo onde menos se espera.
Que só as pessoas humildes, entenderão os segredos de tudo.


________________________________________
A natureza fala

Encontramos em uma flor
Um pequeno e lindo pássaro,
Que carinhosamente como num beijo
Suga o saboroso néctar do amor.

Vejo uma pétala que voa
Lindamente e fala-me de carinho.
O vento que bate no rosto me acorda,
Para aprender a harmonia do corpo.

Pássaros, borboletas, cantos e danças.
Flores, perfumes, belezas verde, muitas cores.
Carícias, abraços apaixonados, sabores...
Assim, não me esqueço de que o sentimento alcança

A vida que se mostra esplendidamente em arte;
Arte que desperta os mais belos sentidos...
Na natureza o palco é verossímil e alegre
Não existe interpretação e sim belos gemidos.

Em uma divina apresentação teatral
Onde o show jamais visto é a vida, que na entrega
Do amor, da felicidade, da dor e do êxtase triunfa;.
Da semente, do pólen, da seiva a produção fantástica.

Assim, mostra-nos uma beleza incontestável
Forma-nos a vida em estilo de amor e prazer
Assim como os mistérios do mar, o homem é inigualável.
Logo, não penso no luto, mas em tudo que posso compreender.


sexta-feira, 1 de junho de 2012

Doce Cruz






As dores que me fazem sofrer nessa vida
Despertam-me mais a vontade da conquista
De ver todas as fortalezas contra mim destruídas
Pois fazê-las cair me vejo por Deus vingado

Também me faz ver meu Deus sendo glorificado
E não sedo pelos caprichos aos espinhos cravados.
São obras malignas criadas para não conseguir glorificar
Em Jesus Cristo que por mim quis se sacrificar.

Entretanto, nas Igrejas onde deveria sentir alegria,
A profanação fez no meu coração uma grande agonia.
Ali do púlpito assistia o teatro mais especializado,
Com os melhores artistas nos personagens encarnados.

Então movido pela VERDADE resolvo falar a verdade
E por quase todos apedrejado, sou agora sem validade.
Assim, Jesus Cristo foi trocado pelo deus da fortuna e do ócio,
Com orações e vigílias a aumentar riquezas com sacrifícios.

Por mais que seja a dor eu sinto a alegria de ter um salvador,
Um Deus que por mim sofreu, foi desprezado carregando a dor
Da humanidade extravida e cega, a ser conduzida por pastores,
Também cegos, ou altamente treinados para serem enganadores.

Quebrou todas as correntes do pecado e recuperou a honra
Perdida pelos prazeres com a prostituição e grandes loucuras.
Deixou-nos o ensino de que seriamos felizes após sofrer
A mesma injuria e perseguições, que Ele passou sem merecer.

A cruz que Jesus Cristo carregou era pesada e amarga,
Nela estavam os nossos pecados e muitas dívidas não pagas.
Agora a cruz que eu carrego é leve e acompanhada de instrução,
Para não sentir os pecados e as dívidas; e sim a emoção da salvação.

GRAMÁTICA APLICADA







PRONOMES PESSOAIS DE TRATAMENTO

FORMAS DE TRATAMENTO
Há uma insegurança muito grande em torno do uso correto do pronome de tratamento. As formas de tratamento empregadas para as diversas autoridades são as mais desencontradas na prática. Em grande parte, isso ocorre pela inexistência de normas oficiais a respeito, pelo menos por parte da Academia Brasileira de Letras.
Apresentamos a seguir algumas formas de tratamento, de acordo com a tradição:

VOSSA EXCELÊNCIA (V. Exª.): para autoridades superiores, tais como: Presidente da República (obrigatoriamente por extenso), Ministros, Senadores, Deputados, Secretários de Estado, Prefeitos Municipais, Embaixadores, Governadores e Oficiais-Generais das Forças Armadas.
VOSSA SENHORIA (V. Sª.): para Chefes de departamentos, superintendentes, inspetores, oficiais administrativos, oficiais inferiores a general e para qualquer pessoa, mesmo que não se trate de autoridade.

OBSERVAÇÃO:
Como podemos constatar o tratamento Vossa Excelência é exclusivo para altas autoridades públicas, não se aplicando à função privada.

VOSSA SANTIDADE (V.S.): aplica-se exclusivamente ao Papa.
VOSSA EMINÊNCIA (V.Emª.): aplica-se apenas aos cardeais.
VOSSA EXCELÊNCIA REVERENDÍSSIMA (V. Exª. Ver.ma): usado para bispos e arcebispos.
VOSSA MAGNIFICÊNCIA (V. Mag.ª): aplica-se a reitores de universidades.
VOSSA ALTEZA (V. A.): usa-se para príncipes, duques e arquiduques.
VOSSA MAJESTADE (V.M.): para reis.
VOSSA ONIPOTÊNCIA (não se usa abreviadamente): para Deus.

OBSERVAÇÃO:
O adjetivo Meritíssimo (MM) cabe ao juiz; egrégio, colendo, venerando, ao Tribunal de Justiça; egrégio, ao Conselho.

PRONOME DEMONSTRATIVO

ESTE, ESSE OU AQUELE?

Em forma resumida, aqui estão as principais funções dos demonstrativos:

FUNÇÃO ESPACIAL
ESTE livro. ---- (aqui; comigo, perto de mim; próximo à pessoa que fala)
ESSE livro. ---- (aí; contigo, perto de ti; próximo à pessoa com quem se fala, mas afastado da pessoa que fala)
AQUELE livro. ----- (lá; ali; perto dele; longe de nós; afastado das pessoas que falam)
FUNÇÃO TEMPORAL
ESTE mês. ----------( presente, atual)
ESSE mês. ----------( próximo no tempo)
AQUELE mês. --------- (distante no tempo)
FUNÇÃO REFERENCIAL
ESTE assunto. --------(ainda não foi apresentado; ainda vamos conhecê-lo)
ESSE assunto. --------(já está apresentado; já o conhecemos)
FUNÇÃO DISTRIBUTIVA
• José e Pedro estudam neste Colégio; ESTE faz a 1ª série e AQUELE cursa a 3ª série.
ESTE ---------------- Pedro
AQUELE------------- José

• Pedro e José estudam neste Colégio; ESTE faz a 3ª série e AQUELE cursa a 1ª série.
ESTE ---------------- José
AQUELE------------- Pedro

Em frases como as de cima, ESTE refere-se à pessoa mencionada em último lugar e AQUELE à mencionada em primeiro lugar.







Não chores mais!






Extrato do Evangelho de Lucas capítulo 7:
“13 - E, vendo-a, o Senhor moveu-se de íntima compaixão por ela, e disse-lhe: Não chores”.
No texto em epígrafe encontramos uma mulher que estava chorando. Na vida todos nós choramos, por algum acontecimento, ou por alguém, porque perdeu, ou porque ganhou algo, ou alguém. No caso em pauta aquela mulher chorava porque tinha perdido seu único filho. Existe sempre uma pessoa do seu lado que perdeu alguma coisa efêmera, reclamando da vida, muita vezes numa mesa de bar, sem avaliar o que está a sua volta. A reflexão nos faz ver que sempre haverá no dia-a-dia uma pessoa na vez de perder algo ou alguém, ou receber um resultado favorável de seus sonhos, é a lei da vida.
Percebi no vai e vem da vida a facilidade em perder mais do que ganhar um afeto, ou a visita carinhosa de um amigo, ou de um membro de sua família. Entretanto, há pessoas que infelizmente não tem mais um membro da família vivo, ou um amigo de verdade, no modelo dos tempos antigos “tipo década de 70”.
Entretanto, acredito no sentimento, mesmo entre pessoas que não compartilha os mesmos ideais religiosos ou políticos e dentro deste raciocínio vejo ser possível encontrar um irmão, ou ganhar uma adoção de uma família, que tenham até mais amor do que aqueles nascidos do mesmo sangue, porque Deus trabalha por quem espera nele, por quem de fato acredita nele, pois sua misericórdia é eterna.
Vejamos o que nos diz os textos bíblicos:
Provérbios 17:17 - Em todo tempo ama o teu amigo e na hora da angustia nasce o irmão;
Provérbios 27:10 - Não deixes o teu amigo, nem o amigo de teu pai; nem entres na casa de teu irmão no dia da tua adversidade; melhor é o vizinho perto do que o irmão longe;
Marcos 3:33 - E ele lhes respondeu, dizendo: Quem é minha mãe e meus irmãos? São aqueles que fazem a vontade de meu pai.
Pela ótica bíblica, a caridade, o amor em prática, é apontada como primordial, o exigido por Deus. Se você ama o seu próximo em tempo integral, nascerá um amigo ou um irmão e ele jamais te faltará. Se você perdeu sua família, por motivo de mudança, ou de falecimento, o melhor caminho a fazer é procurar viver bem com a sua vizinhança praticando a solidariedade, sendo benigno, seguindo os ensinos bíblicos, pois esses passam a ser sua família agora! Está claro que o livro de Provérbios nos dá uma lição de vida, mas agora vamos ver o que diz o nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo sobre a família: para Ele a família tem que ser, prioritariamente, unânime na fé e obediente a Deus, para que possa ser de fato uma família, caso contrário não haverá o verdadeiro amor e o vínculo familiar ficará destruído, porque a ausência de Deus traz a mentira, a traição, a ira, as contendas e toda sorte de pecado.
A mulher do texto do Evangelho de Lucas perdeu o seu único filho, era viúva e não tinha mais para quem recorrer, estava perdida em uma sociedade machista, cheia de regras contra as mulheres, sem ninguém do sexo masculino para representar a sua família. Logo, ela seria uma escrava; era a única saída. Aquela mulher não fez nada de errado, era uma mulher de boa conduta, uma mulher de família, mas as regras sociais daquela cultura eram implacáveis.
Extraído do site: iluminalma.com.br:
“O que estava sendo carregado para o sepulcro naquele dia era muito mais do que seu filho, era seu protetor, seu provedor e sua linhagem. Era tudo que ela tinha, e tudo que ela podia esperar que tivesse nesta vida.”
Podemos observar que Jesus ficou preocupado e compadeceu-se muito daquela mulher. Devemos entender que Jesus não mudou, Ele é o mesmo, ontem, e hoje, e eternamente, essa é a mensagem que nos dá o Livro de Hebreus ( 13:8), pois Jesus está preocupado comigo e com você também; “ Ele” fica triste com seus problemas e também faz milagres em sua vida. Notemos que Ele foi mais do que um pai para aquela senhora, pois como pai só poderia ajudá-la materialmente, o que não apagaria a perda do filho. Mas Ele agiu como o Deus que cura e salva para com aquela mulher. Hoje Ele continua a dizer para todos nós: “não chores mais”.
Você pode ter perdido alguém ou alguma coisa muito importante na sua vida. Mas, lembre-se, Jesus recupera ou substitui e isso vai ser conforme a sua fé.
Que Deus nos abençoe com sua infinita misericórdia.